Seguidores

sábado, 4 de maio de 2013

Deus quer curar você


Deus quer curar você


Pastor Sérgio Carlos da Silveira

Certa feita, fui visitar uma pessoa que estava muito enferma, de uma doença séria. Sabia que antes de mim muitos foram àquela casa e orando, determinara a cura desta pessoa. E quando amamos uma alma, queremos sim vê-la saudável, bem novamente e, na maioria das vezes queremos que ela venha congregar na Igreja que a gente dirige. Isto é humano e normal. Não há nenhum mal nisto.
Só que eu não penso assim.
Para mim todas as ovelhas, de todos os apriscos são do Senhor e se estão bem cuidadas onde foram chamadas ou onde irão ficar depois que eu as evangelizar, não me importo.
O importante para mim é falar do amor de Deus, do desejo que o Altíssimo tem em salvar as pessoas em curar a ferida da alma e claro, leva-las para estar com Ele em definitivo.
Certo é que em visita àquela pessoa, falei do amor de Jesus por sua vida, do interesse que Deus tinha em sua alma e na aliança que Ele propunha a ela.
De princípio observei o seu interesse em ouvir a Palavra, mas quando fui falar a ela sobre seu estado físico, sobre sua prostração devido a sua enfermidade, disse-lhe que Deus não ia curar ela. Percebi que as pessoas à nossa volta não quiseram aceitar o que eu dissera, mas ela se iluminou, ela ouviu e aceitou o que eu disse.
Disse-lhe que Deus não estava interessado em curar o corpo físico dela, mas que se ela quisesse se entregar ao Altíssimo, Ele queria curar-lhe as feridas da alma.
Ela aceitou sorrindo, feliz mesmo, lágrimas de alegrias encheram seus olhos quando ela se decidiu pelo Senhor de nossas almas.
Ela aceitou e permaneceu firme em seus dias na terra. Enfrentou as dores finais com força e mesmo em seus piores momentos de dor, jamais negou a fé.
Minha visita a princípio não agradou a todos, mas ela se sentiu reconfortada, afinal o Senhor entende o desejo de nossos corações e só através de minhas palavras seu coração foi tocado, pois era isto que ela em seu silêncio de dor acreditava. Ela desejava que o Senhor a salvasse do pecado, das ilusões do mundo e não estava interessada em cura física apenas.
Meses depois o Senhor a recolheu.
Ela conseguiu entender o que é vida em abundância (João 10-10). A garantia de que este corpo, embalagem provisória, que não nos pertence, fica para trás quando somos chamados pelo Senhor, pois somos transformados em novos corpos, em corpo espiritual e sendo assim, este corpo que é da mesma natureza do Senhor – espírito como Deus é – deve estar saudável para encontrar com nosso Criador.
Muitas vezes estamos tão carnais quando vamos visitar uma pessoa enferma que não conseguimos compreender que ela já se sente pronta para partir e quando oramos para que ela seja curada no corpo, mudamos o foco do que de fato importa: Nosso encontro com o Altíssimo.
Quando orarmos  devemos mostrar ao Senhor que nos satisfaremos com o que Ele escolher por nós.
Deus, como Pai sábio e amoroso que é, sabe bem qual é o melhor caminho para seguirmos.

Deus pensa diferente de nós (Jeremias 29-11) e muitas vezes o que Ele deseja é apenas curar nossa alma. Mas nós estamos interessados em outra coisa   e acabamos pedindo algo que não vamos receber nunca.
Criamos expectativas e depois cobramos do Senhor como se Ele tivesse feito uma Promessa Expressa de que nos daria o que pedimos.
Deus está interessado em curar almas. Os corpos são curados quando há propósito para o Serviço e isto para honra e Glória de Seu Nome.
Em qualquer outra situação, Deus quer curar nossa alma, nos religar a Ele através do Sangue de Seu Filho e de nossa plena aceitação. 

Receba as mensagens no seu Email