Seguidores

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Nào posso ser Servo Infiel

Não posso ser um servo infiel
Pastor Sérgio Carlos da Silveira


Jesus usa meios práticos para ensinar, aconselhar, exortar, muitas vezes usando elementos da época daquelas pessoas para que fique claro e eles entendam o que o Mestre quer dizer, fala de lamparina, azeite, ovelhas, e agora servos e senhores.
A palavra nos diz que um Senhor iria se distanciar de sua pátria, portanto, chama seus servos fiéis, para entregar alguns talentos para que os mesmos granjeiem,ou seja, multiplique. A um distribui 5 a outro 2 e outro 1 talento, os dois que receberam mais saíram e foram negociar, mãos o terceiro diz a Bíblia que saiu e enterrou o talento que o Senhor havia dado.
Preste atenção irmão, aquele Senhor havia dado algo valioso, não foi problema, não foi fardo, não foi ferramentas, mas sim um tesouro...
Quantas vezes temos tratado nosso ministério como peso, como fardo, quem cava se suja, quem mexe com terra se suja. Não foi para isto que foi entregue os talentos, foi para ser negociado.
Teu cargo não é castigo, tua função na obra de Deus não é peso. Pare de murmurar daquilo que Deus te deixou.
Agora o Senhor volta e é hora de prestar contas:
O primeiro chega a ele e diz dos cinco que me deste transformei em Dez, o segundo repete a mesma coisa dos 2 que me deste transformei em 4... E o senhor lhes diz: Muito bem servo bom e fiel foste fiel no pouco e sobre o muito te colocarei. E o Senhor usa a mesma frase para os dois servos, isto nos mostra que a matemática de Deus não é como a nossa, pouco importa para Deus se você tem 5, 4, 3,ou 2 talentos, Ele espera que o multiplique, não é a quantidade que Ele te deu mais sim o que foi feito daquilo que te entregou. Tanto para um como para outro a recompensa foi a mesma: entre Bendito de meu Pai...
Agora é a vez do terceiro servo. E ele já começa com desculpas, inseguro, não dando valor ao talento pois quando entrega ao Senhor o talento ele diz: Toma o teu talento... Aquele servo não havia tomado posse daquilo que o Senhor depositara em suas mãos, não havia dado valor naquilo que lhe fora entregue. Estamos agindo desta maneira na obra de Deus, s só prego para multidão, só canto em grupo grande, só dirijo grupos com tantos membros...
Escuta bem! A  matemática de Deus não é a sua. Vai haver acertos de conta e neste dia, não haverá desculpas....
O Senhor manda que tire o talento dele e de ao que tem dez, poderia dar ao que tem 4 mais não deu ao que tem 10, para nos provar mais uma vez que não importa a quantidade os dois são benditos do Pai.

Ele só chamou servos fiéis ,mas o tempo passou e o coração de um dos servos havia mudado endurecido ,não tinha o mesmo zelo de outrora. Para nós o mais importante é que o Senhor ainda não veio e dá  tempo ainda de desenterrar o talento e multiplica-lo. Sei que é dura esta Palavra, mas muitas vezes enterramos bem fundo e o tempo passou, só . que hoje Cristo te dá uma nova chance. Busque o talento que ele te deu, servo bom. O Senhor ainda não veio... Ainda da tempo!

Receba as mensagens no seu Email