Seguidores

terça-feira, 9 de abril de 2013

Cuide de minhas ovelhas


 Cuide de minhas ovelhas
Pastor Sérgio Carlos da Silveira

            Muitas vezes, enquanto líderes e pastores, responsáveis de grupos diversos na Igreja, estamos preocupados em fazer ‘números’. Com encontros evangelísticos e campanhas em lugares onde as pessoas estão sensibilizadas pela dor, pelo luto, pela falta de liberdade, vão enchendo a Igreja de pessoas doentes na alma  e paramos por aí, como se só isto fosse ter cuidado com as ovelhas que nos foi confiadas pelo Senhor.
         Na verdade, ganhamos almas, enchemos as igrejas e nos preocupamos com tudo,  menos com a situação física e emocional das pessoas. Esquecemos que é nosso dever nos preocuparmos com as demais dificuldades destas pessoas, ajudá-las a pensar em seus relacionamentos, orientá-los quanto às suas divergências familiares e conjugais.
Uma pessoa doente da alma  tem dificuldade de seguir adiante, pode ficar na Igreja, mas não evoluí, estará sempre dependente de afeto alheio e de ajuda esporádica.   
Muitas pessoas precisam ser curadas em sua psique e não no corpo e isto só é possível quando paramos tudo e analisamos caso a caso e, guiados pelo Espírito Santo, tocarmos ferida por ferida, limpando, tirando as partes apodrecidas, purificando a carne nova e dolorida,  refazendo o curativo dia após dia até que a pessoa esteja curada de fato.
Ou aprendemos isto e colocamos em prática ou teremos sempre uma Igreja cheia de crentes doentes.
Há tempo para todas as coisas e o atual, é o tempo de curar feridas. As ovelhas estão precisando de cuidados especiais? Então vamos cuidar delas!

Receba as mensagens no seu Email